sexta-feira, 16 de outubro de 2009

Dia Mundial da Alimentação

Hoje, Dia Mundial da Alimentação, fizemos um lanche diferente na escola. Fomos desafiados a fazer uma sandes saudável e a comermos espetadas de fruta ou a beber sumo de laranja. Os pais colaboraram com o envio de fruta e também ajudaram na elaboração das espetadas.
Nós tivemos de fazer a nossa sandes saudável. Para isso tínhamos à nossa disposição pão da saúde, manteiga, queijo, fiambre, compota, alface e tomate para escolhermos o que quiséssemos. De seguida, cada um de nós escreveu no quadro os ingredientes que tinha utilizado na sua sandes. No final da manhã, realizámos um debate sobre as sandes mais e menos saudáveis.




Algumas das conclusões do debate

Nuno Silva e Márcia

«Achamos que a melhor sandes foi a da Mónica (queijo, alface e tomate) porque pôs muita salada junto com o queijo.»

Paulo

«A melhor sandes foi a da Teresa (queijo, tomate e alface) porque tem pouca gordura, pouco sal e tem salada.»

Daniela

«A Mónica, a Teresa, o Paulo, eu e mais alguns colegas fizemos sandes saudáveis, porque têm tomate e alface que são alimentos saudáveis e o queijo que pertence ao grupo dos lacticínios.»

Diogo

«Acho que as melhores sandes foram aquelas em que todos puseram queijo, porque é um derivado do leite. Depois puseram as saladas que fazem parte do que se deve comer mais, de acordo com a roda dos alimentos. Acho que a sandes que fiz não foi a melhor porque tinha excesso de gordura (manteiga e queijo)

Tomás Miguel

«A sandes do Tiago está um bocadinho "puxada" porque pôs alimentos em excesso.»

Francisco

«A sandes do Tiago é uma sandes a evitar porque é muito calórica.»

Concluímos que a melhor sandes é a que tem alimentos que pertencem aos grupos de maior dimensão da roda dos alimentos - queijo, alface e tomate e claro, o pão da saúde, que tem menos sal.

3 comentários:

  1. Muito bem!
    Comidinha saudável.
    Parabéns
    paulo costa

    ResponderEliminar
  2. este blog esta muito engraçado porque foi feito por crianças

    ResponderEliminar